Inter vai usar time ideal só duas vezes antes da semi com Tigres

postado em: Notícias | 0

O Internacional ainda tem 23 dias até o primeiro jogo da semifinal da Copa Libertadores, mas já tem a programação completa para pegar o Tigres-MEX. Mesmo com mais cinco partidas pela frente no Brasileirão, o Colorado pretende usar D'Alessandro, Sasha e companhia somente duas vezes – e ambas em Porto Alegre. Lesões e o rodízio de Diego Aguirre explicam a ideia.

A chamada força máxima, com escalação idêntica a ser usada na semifinal da Libertadores, deve ser empregada nos jogos contra Atlético-MG e Flamengo, em 5 e 8 de julho. Diante de Santos, Sport e Joinville a equipe terá modificações – como aconteceu até aqui no Campeonato Brasileiro.

O planejamento se sustenta em três itens: recuperação dos lesionados (são 11 atletas no departamento médico), tempo para descanso dos atletas considerados fundamentais antes do jogo de ida no Beira-Rio e manutenção do rodízio do elenco.

Até aqui, mesmo em partidas como mandante, o técnico Diego Aguirre não mandou o Inter com 100% em jogos do Brasileirão. Na próxima rodada o time já terá os retornos de D'Alessandro e Nilmar. O argentino atuou pela última vez contra o Independiente Santa Fe, em 27 de maio. Nos últimos cinco jogos do Colorado ele se recuperou de cirurgião na mão esquerda.

O Internacional tem um desfalque quase certo para os confrontos com o Tigres. Trata-se de Juan, que lesionou a panturrilha direita no aquecimento de um treino. Os médicos derão prazo de retorno de um mês ao zagueiro e a data coincide justamente com os duelos pela semifinal da Libertadores. Todos os demais lesionados deverão ser liberados com dias de antecedência ao jogo em Porto Alegre. A partida de volta da fase será disputada no México em 22 de julho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × três =