Carne de frango: pelo menos 90% da produção brasileira passam por inspeção

postado em: Notícias | 0

Como as bases de dados são diferentes (pintos x frangos), os números mensais da Apinco foram convertidos em cabeças de frango abatidas, para isso estimando-se 96% de viabilidade dos pintos alojados e abate aos 42 dias de idade.

O resultado obtido, contraposto aos dados de abate também mensais levantados pelo IBGE junto aos estabelecimentos operantes sob inspeção federal, estadual ou municipal, aponta que o número de cabeças de frango inspecionadas corresponde, na média, a 91,97% do total alojado, com variações inferiores a 1% abaixo ou acima dessa média.

É oportuno registrar que nos abates levantados pelo IBGE estão inclusos também matrizes (de corte e postura) e poedeiras. Estima-se, porém, que tais abates correspondam a menos de 2% dos abates totais mensais. Assim, o total de cabeças de frango (propriamente ditas) continua correspondendo a mais de 90% do total levantado a partir do alojamento de pintos de corte.

Fonte:  Portal do Agronegócio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 + 16 =