Ovos: Mania de saúde já deixou a clara mais cara que a gema

postado em: Notícias | 0

Uma corrida às claras de ovos no setor alimentício americano provocou uma disparada nos preços desse pegajoso ingrediente, gerando aumentos de lucros para diversas empresas: da Cargill a uma holding do Goldman Sachs no setor de investimentos.

Analistas dizem que a frágil cadeia de suprimentos de ovos tem mostrado rachaduras após as cadeias de fast-food adicionarem sanduíches de ovos com baixo colesterol a seus menus. O custo de claras de ovos líquidas superou o das gemas pela primeira vez em anos, segundo a Urner Barry, um serviço de informações de preços de alimentos.

No mais recente sinal de escassez, o Escritório de Estatísticas do Trabalho dos EUA informou, na semana passada, que os preços de ovos processados no atacado deram um salto de 56% em comparação com um ano atrás. O americano médio come mais de 250 ovos por ano, segundo o Departamento de Agricultura dos EUA (USDA).

Em abril do ano passado, o McDonald's criou seu Egg White Delight McMuffin para clientes de café da manhã. "Boa parte do resto do setor seguiu o exemplo", afirmou Rick Brown, vice-presidente sênior da Urner Barry.

A rede Jack in the Box, especializada em hambúrgueres, lançou um sanduíche matinal de claras de ovo em dezembro, seguido pelas lojas de conveniência 7-Eleven. A Dunkin' Donuts serve um pão "chato" com clara de ovo.

O preço da clara de ovos líquida não pasteurizada subiu 80%, para mais de US$ 1 por libra-peso no ano passado, segundo dados da Urner Barry. A Michael Foods, importante fabricante de produtos à base de ovos – propriedade de uma subsidiária do Goldman Sachs no setor de private equity – declarou que esse mercado está em pico histórico.

"A alta nesse mercado continua a ser sustentada pela demanda por produtos à base de claras de ovos em todo os canais de serviço de alimentação e de varejo", disse Mark Westphal, diretor financeiro da Michael Foods, em uma teleconferência com analistas. Depois dessa entrevista, a Postar Holdings acertou a compra da Michael Foods por US$ 2,45 bilhões.

Sanduíches de clara de ovos têm menos colesterol, que entopem as artérias, e menos calorias do que os que incluem ovos inteiros. O McDonald's lançou seu novo produto como parte de um compromisso da empresa para melhorar as opções nutricionais.

A Cargill, gigante americana do agronegócios, informou ter inventado o Egg White Delight para o McDonald's. "À medida que os consumidores buscam opções mais saudáveis, nós certamente descobrimos que existe uma demanda por clara de ovos, mas a oferta é estável", disse a Cargill.

Mas os estoques de claras de ovos desidratadas recuaram 46% no ano passado, de acordo com dados do USDA. Em cerca de 1,7 milhão de libras-peso, o estoque de claras desidratadas está abaixo dos baixos patamares registrados em 2004, no auge da mania da dieta Atkins, intensiva em proteína, afirmou Brown.

Alguns consumidores dizem ter dificuldade em obter claras de ovos – ou albumina – a preços acessíveis. A Boulder Brands, empresa listada em Nova York, informou a investidores estar empenhada em se tornar menos dependente do ingrediente, depois que um aumento de três vezes nos custos impactou suas operações com pão sem glúten.

Fonte:  Valor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =