Rafael Moura vê falta de respeito e detona narração de seu gol em rádio

postado em: Notícias | 0

O atacante Rafael Moura finalmente quebrou o jejum e voltou a marcar pelo Internacional, na vitória sobre o Atlético-PR por 1 a 0. O que era para ser um motivo de festa, porém, virou irritação para o jogador, que ficou indignado com a narração de seu gol na Rádio Gaúcha (ouça abaixo).



"A infelicidade que tive durante 777 minutos sem marcar gol foi a mesma que o locutor da Rádio Gaúcha, Luís Augusto Alano, conseguiu em apenas 7 segundos durante a narração do meu gol, que garantiu a vitória do Inter diante do Atlético-PR: "Gol do Internacional! Gol de Rafael Moura merece mais um grito, porque sabe lá Deus quando ele vai fazer mais um", disse o atacante, em um comunicado oficial.



"Aceito todo e qualquer tipo de crítica construtiva, mas o que minha família (filhas, pais e esposa) ouviu no momento de maior alegria do futebol foi uma tremenda falta de respeito", completou o jogador.



Rafael Moura não marcava havia 12 jogos. O gol do centroavante fez com que o Internacional voltasse ao G4 e assumisse a terceira colocação, com 41 pontos. Muito criticado durante o período de jejum, o jogador disse que as cobranças da torcida o incomodaram menos do que o tratamento dispensado pelo narrador na transmissão de seu gol.



"As vaias da torcida mexeram, sim, com meu brio. Contudo, ela, em momento algum, faltou com respeito ou utilizou a violência. Cobrou porque sabe que posso render mais. (…) O que não posso é achar normal nem aceitar calado um formador de opinião de um dos veículos de comunicação mais importantes do país tripudiar em cima de uma carreira honesta, construída à base de muito suor e dedicação", afirmou o jogador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 + dezoito =