Inter perde a terceira seguida e vive pior fase no ano: “O time caiu”

postado em: Notícias | 0

A derrota para o Bahia na estreia da Copa Sul-Americana coloca o Internacional em seu pior momento em 2014. Com o revés de 2 a 0 no estádio Beira-Rio, nesta quarta-feira, o time dirigido por Abel Braga chegou a três tropeços seguidos – somando jogos do Brasileirão. Sem diagnósticos mais precisos, a análise é que o coletivo parou de jogar. Caiu, no discurso popular.

Antes de acertar a trave três vezes e falhar na defesa, na estreia do torneio do continental, o Colorado sucumbiu para São Paulo e Atlético-MG. Ambos com o placar mínimo. E aí as críticas ressurgiram e com força.

"A equipe não está rendendo, não está no seu melhor momento […] Temos que reconhecer que neste momento o coletivo caiu", disse Abel Braga.

Mas dos três jogos recentes, com três derrotas seguidas, a derrota para o Bahia foi a mais clara. Ligado no começo, o Internacional foi diminuindo o ritmo até parar. E quando parou, minutos depois levou o primeiro gol em cobrança de escanteio.

"A má atuação coletiva atrapalhou e afetou as individualidades. Tivemos uma queda de produção", afirmou Marcelo Medeiros, vice-presidente de futebol do Inter.

O revés na Copa Sul-Americana complica a sequência do clube na competição. Na partida da volta, em Salvador, o time dirigido por Abel Braga precisa devolver o 2 a 0 para levar a disputa pela vaga aos pênaltis.

No sábado, o Colorado volta ao Campeonato Brasileiro enfrentando o Palmeiras. E também precisa vencer para seguir na zona de classificação à Libertadores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × um =