Aguirre diz que vitória sofrida em casa pode mudar Inter: “Faz crescer”

postado em: Notícias | 0

O futebol não agradou, mas a atitude sim. Depois de sofrer para vencer o Emelec, o técnico Diego Aguirre exaltou a vontade e entrega dos jogadores para buscar o 3 a 2 no Beira-Rio. Para o uruguaio, ganhar com sofrimento pode ajudar a forjar o time vermelho que disputa da Libertadores, mas ainda não se encontrou e muito menos encantou a torcida.

"Na Libertadores os jogos normalmente são muito difíceis. E às vezes essas vitórias marcam muitas coisas para o time. Eu preferiria falar primeiro das coisas boas e depois das ruins. O Inter teve muita personalidade para virar um jogo difícil. Os jogadores acreditaram. Às vezes os times precisam de vitórias deste jeito para ir crescendo. E quando o time vence jogando mal por alguns momentos, fico feliz. Quando o time é melhor, erros passam. Estou feliz porque os jogadores deram tudo, lutaram com o coração e às vezes vale mais isso do que qualquer outra coisa", disse o treinador.

Elétrico no começo do jogo, o Inter saiu na frente com Nilmar e parou. Viu o Emelec ganhar campo, apostar corrida com a defesa vermelha e virar ainda no primeiro tempo. Na etapa final, no abafa, o Colorado conseguiu empatar com Alex e virar com Réver. Um sufoco.

"Claro que algumas coisas não aconteceram e tivemos dificuldades contra um time que vem jogando há tempos junto, que venceu seus dois jogos. Por momentos nos superaram, mas fomos bem. E agora eu não quero falar das coisas ruins, prefiro só falar das coisas boas. Foi uma grande vitória", apontou o uruguaio.

Com o resultado, o Internacional chega aos seis pontos, mas não assume a liderança do grupo 4 da Libertadores. A equipe gaúcha perde no saldo de gols o primeiro lugar da chave justamente para o Emelec.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × quatro =