Desaposentação pode ser custeada por contribuição do aposentado.

postado em: Notícias | 0

Contribuições pós aposentadoria podem custear a troca por uma aposentadoria mais benéfica

Publicado em 13 de março de 2014 às 9:00, por Renan Oliveira em Notícias. Fonte: Agora SP

0

As contribuições pagas ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) pelos aposentados que continuam trabalhando seriam suficientes para custear uma nova aposentadoria.

Esse é um dos argumentos apresentados pelo IBDP (Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário) em defesa da troca de benefício no STF (Supremo Tribunal Federal).

O julgamento da chamada desaposentação poderá ser ainda neste mês.

Dos R$ 587,89 que o INSS gastaria a mais por mês por benefício, R$ 553,32 sairiam das contribuições do aposentado e do seu patrão, o que representa 93,76% dos gastos mensais do INSS, alega o parecer do instituto.

“O estudo mostra que a contribuição do segurado é suficiente para custear o novo benefício“, afirma Gisele Lemos Kravchychyn, advogada do IBDP.

Segundo ela, o instituto de defesa dos aposentados contratou uma consultoria para fazer esse estudo, mostrando que, diferentemente do que disse o INSS em sua defesa, no início do mês, não haverá um rombo nos cofres da Previdência caso a troca seja aprovada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 1 =